A mulher que está em Deus procurará agradar ao Senhor em sua discrição, no seu saber portar-se. Purificará os seus sentidos em Deus, e n’Ele os empregará. Sem estar presente, sua presença ali estará; calada, falará; com a sua humildade se imporá. Mesmo com sua ausência, a tudo plenificará

MulherEmDeus

Pe. Juan Manuel Rodriguez de la Rosa — Adelante la Fe | Tradução Sensus fidei: Queridos amigos, a mulher que está em Deus não sente necessidade dos elogios do homem, porque tudo lhe vem do Altíssimo. Ela alimenta a sua alma do Senhor. Não se evidencia em nada, mas se distingue porque Deus a embeleza, Deus a adorna, e por esta razão, não por ela mesma, mas pelo Senhor, distingue-se aos olhos limpos e puros, e não para outros.

A mulher que está em Deus não sente necessidade das coisas do mundo, senão do essencial. Não necessita do galanteio do homem. Ela carece de muito pouco, nem sequer que a chamem pelo nome. Não quer ser chamada de Maria, senão Mãe de Jesus. Quer ser conhecida como a amada do Senhor, não quer outro nome, nem ser conhecida como a enamorada de Cristo.

A mulher que está em Deus não tem outro modelo além de Maria, espelha-se nela, dela tudo aprende, a ela se dirige, com ela vive. Nunca desagradará a Deus para agradar o homem e o mundo; sempre olhará ao seu redor através dos olhos de Maria. Ansiará as graças de Maria, e se esforçará nelas com todo empenho.

Ela procurará agradar ao Senhor em sua discrição, no seu saber portar-se. Purificará os seus sentidos em Deus, e n’Ele os empregará. Sem estar presente, sua presença ali estará; calada, falará; com a sua humildade se imporá. Mesmo com sua ausência, a tudo plenificará.

A mulher que está em Deus é uma árvore frondosa em torno da qual cresce a vida, floresce o amor, aumenta a esperança. O sofrimento é atenuado e suavizado, aceito e oferecido em alegria. A dor transforma-o em oblação de vida para Deus; nada desfalece a sua beleza, porque até a dor, unida a Deus, a torna formosa.

A mulher que está em Deus vê o sacerdote como um outro Cristo. Reverencia o sacerdote e dele mantém uma respeitável distância. Vê nele a mesma pureza de Jesus Cristo. Como Maria, ela tem grande respeito pelo sagrado, pelo culto litúrgico. Procura a oração e o recolhimento.

A mulher que está em Deus purifica o que toca e o que faz. Valoriza o bem e não tem em conta o banal e o supérfluo. É amada e valorizada. A sua presença é solicitada, e por isso não vive isolada. Mas aqueles que estão ao seu lado sabem, ainda que sem saber, que ela não busca a adulação do homem, que ela não é do mundo, pois a sua alegria, a sua paz e serenidade não vem cá de baixo, mas lá do alto; e, embora não saibam o que há nela, sabem, no entanto, que quando ela está com eles, não é como eles; eles não sabem que ela está em Deus.

Ave Maria Puríssima.

Pe. Juan Manuel Rodriguez de la Rosa.

Publicado originalmente: Adelante la Fe – La mujer que está en Dios no necesita los elogios del hombre

A mulher que está em Deus não precisa de elogios do homem

2 ideias sobre “A mulher que está em Deus não precisa de elogios do homem

  • 23 de junho de 2016 em 20:45
    Permalink

    Meu Deus, perdão por todos os desapontamentos que Lhe causei.

    Resposta
  • 20 de junho de 2016 em 00:30
    Permalink

    Esse site foi um achado! Gosto bastante do conteúdo e sempre estou compartilhando.

    Que Deus continue dando força e saúde para que continuem nesse ótimo trabalho.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia Também

WP-Backgrounds by InoPlugs Web Design and Juwelier Schönmann